Autoconhecimento

Nem alta, nem baixa – Frágil!


Se você tem dificuldade em lidar com críticas, se magoa com facilidade, sente a necessidade em querer agradar os outros e tem dificuldade em dizer “não”. Então sua autoestima não é nem alta, nem baixa, ela é FRÁGIL!

Recentemente eu publiquei aqui no blog um teste de autoestima, que constatou o seguinte resultado (respostas entre frequentemente e sempre):


72,5% percebe que por vezes busca a aprovação e/ou reconhecimento de alguém (pai, esposa, marido, chefe);

62,5% está sempre tentando agradar, cedendo em tudo;

67,5% tem dificuldades em dizer “não”, colocar limites.


Apesar de pouco conhecida a autoestima frágil é bem mais comum do que a baixa autoestima. Confira abaixo a sua definição.

O que é autoestima frágil?

criticas2

A autoestima frágil é caracterizada pelo excesso de sensibilidade emocional e é identificada pelos seguintes comportamentos: 

  1. Carência;
  2. A pessoa magoa-se com facilidade;
  3. Dificuldade em lidar com críticas;
  4. Necessidade em agradar para se sentir aprovado por outras pessoas;
  5. Baixa tolerância à frustração
  6. Dificuldade em dizer “não”
  7. Culpa-se com frequência por situações que fica remoendo;
  8. Dependência emocional;
  9. Critica-se com frequência;
  10.  Dificuldade em excesso em lidar com rejeição e abandono.

 

Origem da Autoestima Frágil

amor-passado-1-990x556

Se você se sente assim ou age assim há algum tempo, investigue a sua história de vida, pois a origem desses comportamentos podem ter uma forte relação com a sua infância ou adolescência como:

  • Excesso de críticas;
  • Falta de atenção e carinho;
  • Criação voltada para manter uma imagem;
  • Infância e adolescência com preocupações com o que as pessoas poderiam pensar a seu respeito – isso vem da criação dos pais.
  • altas expectativas em relação a você;
  • Experiência de abandono, rejeição ou humilhação;
  • Sentimento de não se sentir amado e reconhecida o suficiente por pessoas significativas no passado (pais, avós, tios, professores).

Essas experiências podem ter afetado significativamente a forma como você passou a pensar, a se comportar e a se sentir. Mas, não pense que tudo está perdido! Porque não está!

O Passado não muda, mas o Presente pode ser transformado

positive-change-ahead

Não desanime caso você esteja se identificando com alguns dos itens acima, mudar o passado não é possível, mas é como eu sempre digo, você pode transformar o seu presente e aprender consigo mesmo se autoconhecendo.

O mais importante não é só identificar o problema, mas encontrar formas em como lidar com ele e de transformar-se em uma pessoa cada vez melhor.

Se possível busque psicoterapia para que você possa aprender a lidar com esses comportamentos. Apesar de não ser uma doença, a autoestima frágil quando não tratada pode se tornar baixa e por fim desencadear outros problemas emocionais.

Comece essa caminhada de mudança, se conhecendo, se cuidando e se amando! A sua autoestima merece e você também!

Um abraço,

Claudia Cruz

Psicóloga/Terapia Cognitivo Comportamental

 

5 comentários em “Nem alta, nem baixa – Frágil!”

  1. Eu sei que muito dos meus problemas vieram da minha infância e adolescência mas como vc diz a gente não pode mudar o passado mas posso mudar o presente me cuidando e me amando mais e poder ser feliz me valorizando e acreditando que tudo é possível basta acreditar que vc é capaz e que a vida é um dom de Deus

    Curtido por 1 pessoa

    1. É isso mesmo Marisa, ficar presa no passado não vai adiantar. Agora, acreditar que você pode fazer do presente um momento muito melhor com você mesmo, isso faz toda a diferença.
      Fico feliz pelo seu comentário e pela sua força em mudar, ele também me motiva muito aqui no blog. 😉😘

      Curtir

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s